http://dx.doi.org/10.5935/2177-1235.2018RBCP0158
Revista Brasileira de Cirurgia Plástica (RBCP) – Brazilian Journal of Plastic Sugery 423 - 427
 

Gestação e queimadura: experiência de unidade de queimaduras em Hospital Universitário

Pregnancy and burns: experience of a university hospital burn unit

JOSÉ RENATO NAHLOUS FERREIRA LEITE1; ERIKA LOPES FERNANDES1; GUILHERME FERREIRA TAKASSI1; ANDREA FERNANDES DE OLIVEIRA1,*; LYDIA MASAKO FERREIRA1

Resumo

Introdução: A incidência de queimaduras em gestantes não é bem estabelecida na literatura mundial, mas estima-se que varie entre 3% e 7%. Os cuidados da gestante queimada representam um grande desafio com impacto significante nos resultados e prognóstico materno-fetais.
Relato de Caso: No presente estudo relatamos dois casos de gestantes vítimas de queimaduras que foram tratadas na unidade de tratamento de queimaduras na Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (EPM/UNIFESP), uma no primeiro trimestre e a outra no terceiro trimestre.
Conclusão: Em ambos os casos, as gestantes receberam tratamento especializado para queimaduras em conjunto com acompanhamento clínico da equipe da obstetrícia, com boa evolução materno-fetal.

 

 

GN1 Genesis Network - 2019 - gn1.com.br